domingo, 26 de fevereiro de 2006

9º ERECIC-NE

Comunicação CFC

Será no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa (PB) que ocorrerá, no período de 13 a 16 de abril, o 9º Encontro Regional dos Estudantes de Ciências Contábeis do Nordeste.

Segundo a organização do evento, o ERECIC-NE tem como objetivo principal, integrar os acadêmicos da região Nordeste. Cerca de 2.000 conferencistas, entre acadêmicos, professores e profissionais da área contábil estão sendo esperados para este grande encontro.

Para saber mais sobre o 9º ERECIC-NE: www.erecic-ne.com.br

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2006

Feliz Aniversário as Funcionárias da Organização Duarte!!

Nós que fazemos a Organização Duarte Escritório Contábil, queremos parabenizar as funcionárias:

Verônica Lúcia (14/02)
Verinha Amorim (26/02)

Sejam Felizes!!!!

terça-feira, 21 de fevereiro de 2006

Mensagem


Afinal, para quem anseia obter respostas para suas próprias questões, não é somente aos outros que devemos perguntar.
Moacyr Castellani

III CURSO DE EXTENSÃO - CONTABILIDADE PARA NEGÓCIOS EMPRESARIAIS.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
Centro de Ciências Sociais Aplicadas
Departamento de Ciências Contábeis
Coordenação de Extensão
Av. dos Economistas S/N - Cidade Universitária Fone: (81) 2126-8874
50740-580 - Recife - PE Fax: (081) 2126-8874

Informamos que estão abertas as matriculas para o III CURSO DE EXTENSÃO - CONTABILIDADE PARA NEGÓCIOS EMPRESARIAIS.
Este curso é uma iniciativa do Departamento de Ciências Contábeis da UFPE e tem como proposta ampliar e consolidar a integração UNIVERSIDADE/SOCIEDADE, pois têm como objetivo capacitar os profissionais de contabilidade que atuam ou venha atuar na área contábil-financeira, aperfeiçoando o desempenho das empresas durante o processo de gestão dos seus negócios.
É indicado para profissionais contábeis e empresários que atuam na área contábil.

COORDENADORA DO CURSO:
Profa. Christianne Calado Vieira de Melo Lopes, Mestre em Contabilidade (Universidade de São Paulo - USP)

DISCIPLINAS

C.H.
DOCENTES
TITULAÇÃO
Gestão de Pessoas
30
Lilia Cozer
Especialista - Babson College - EUA
Planejamento e Orçamento Financeiro
30
Joaquim Bezerra
Especialista em Adminsitração Financeira pela FCAP/PE
Planejamento Tributário
30
Claribenor Freitas Filho
Especialista em Contabilidade - UFPE
Marketing para Profissionais de Contabilidade
40
Marcos Vieira
Mestre em Administração - UFPE
Controladoria
30
Marco Tullio
Doutor em Contabilidade - USP
Análise das Demonstrações Contábeis
30
Cacilda Andrade
Mestre em Contabilidade - USP
CARGA HORÁRIA TOTAL
190





Receberá o certificado do curso, emitido pela UFPE, quando o aluno freqüentar 75% da carga horária de cada disciplina.

MATRÍCULA:
Nas seguintes datas: 22/02 e 02/03 (horário: 19:00 às 21:30h) no Departamento de Ciências Contábeis da UFPE, Sala E11

PERÍODO DE REALIZAÇÃO
6/03/2006 a 15/09/2006 – aulas em semanas alternadas (segunda a sexta - 19:00 - 22:00)

CUSTO POR PARTICIPANTE:
Matrícula: R$ 200,00 (depósito em conta corrente-FADE/UFPE)
Mensalidades: 8 X R$ 200,00 (mediante a entrega dos cheques pré-datados e assinatura da ficha de inscrição)
Custo total: R$ 1.800,00
OBS: Para os contabilistas em dia com o CRC/PE concederemos um desconto de 5%. Apresentar o pagamento da anuidade no ato da matricula,

LOCAL DE REALIZAÇÃO:
Universidade Federal de Pernambuco - UFPE
Centro de Ciências Sociais e Aplicadas - CCSA
Av. dos Economistas, S/N, Cidade Universitária, Recife-PE

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES:
Universidade Federal de Pernambuco - UFPE
Centro de Ciências Sociais e Aplicadas - CCSA
Departamento de Ciências Contábeis
Av dos Funcionários, S/N- Cidade Universitária – Recife-PE
Sala: Sala E-11 – Profa. Christianne Calado
INSCRIÇÕES: contabeisextensoufpe@yahoo.com.br


Fone: 2126.8874 (tarde e noite)

Conta para Depósito:
Banco: Banco do Brasil
Agência: 3613-7
Conta Corrente: Contabilidade para Concursos - Extensão/FADE/UFPE - nº: 226.855-8

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2006

Governo estuda deduzir do IR contribuição ao INSS para domésticos

O ministro Paulo Bernardo (Planejamento) afirmou dia 16/2 que o governo estuda permitir o abatimento na declaração do Imposto de Renda de gastos com a contribuição ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) feita pela pessoa física que emprega trabalhadores domésticos.

O governo avalia que muitos trabalhadores domésticos não têm carteira assinada devido ao aumento dos custos que o empregador têm ao registrá-lo.Além de garantia de todos os direitos trabalhistas para essa categoria, o empregador, ao formalizar o vínculo empregatício, passa a arcar com parte da contribuição ao INSS do empregado. Pelas regras atuais, o empregador recolhe 12% do salário do trabalhador doméstico para a Previdência como forma de financiar sua futura aposentadoria.

A proposta em estudo no governo permitiria que o empregador descontasse esses gastos do IR, o que, para o governo, poderia aumentar a formalidade desses trabalhadores.Bernardo afirmou, no entanto, que não há nenhuma decisão tomada a esse respeito.

Fonte: Classe Contabil

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2006

Lei Geral provavelmente será votada só em março.

A votação do projeto da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas provavelmente só acontecerá em março, disse o presidente da Câmara dos Deputados, Aldo Rebelo (PCdoB-SP) em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (15/02). Ele afirmou ainda que o projeto está entre as prioridades da Câmara para este ano.O projeto estava inserido na pauta da convocação extraordinária do Congresso e deveria ter sido votado até a última terça-feira (14/02). Porém, apenas o processo de discussão foi aberto.

Questionado do porquê da demora, Rebelo explicou que, pela importância e pela própria abrangência, o projeto trata de temas polêmicos que requereram discussões e negociações, incluindo incentivos na área trabalhista.Além disso, explicou, as discussões foram interrompidas porque a pauta foi obstruída, neste prazo, por cinco medidas provisórias. 'Retomando a atividade normal, sem a obstrução das medidas provisórias, a discussão do projeto vai ter curso e ele será votado', disse Aldo, complementando que esta é uma decisão que não depende só dele.

'O que dependia de mim era pedir aos deputados que agilizassem a decisão na Comissão Especial (da Microempresa da Câmara), e tão logo a decisão foi tomada, pus o projeto na Ordem do Dia', explicou.O presidente da Câmara assegurou que o projeto da Lei Geral 'teve, tem e terá o seu empenho'. Para ele a proposta 'traz inovações importantes para facilitar, por exemplo, a integração ao regime formal de milhões de trabalhadores que não têm carteira assinada'. Ele ainda ressaltou o papel do Sebrae 'na discussão e na preparação do projeto, juntamente com os deputados da Comissão Especial da Microemrpesa'.

Fonte: Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2006

SPED - Sistema Público de Escrituração Digital.

Comunicação CFC

Um dos grandes avanços tecnológicos para o ano que se inicia vai beneficiar, e muito, a vida dos profissionais da contabilidade. Os chamados Leiaute Nacional Unificado de Processamento de Dados, Certificação Digital, Escrituração Contábil e Fiscal em Forma Digital com Validade Jurídica, que compõem o SPED, irão transformar a Contabilidade em papel para a Contabilidade Digital.

O projeto Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) surgiu de entidades preocupadas em dar mais agilidade e confiabilidade ao contribuinte para o Fisco. O projeto, segundo especialistas, será uma das maiores revoluções digitais, no campo da contabilidade, já vistas no País. O SPED atuará de forma integrada, inclusive com o compartilhamento de cadastro de informações fiscais na forma de lei ou de convênio.
O contribuinte e as administrações tributárias, sem dúvida, serão os maiores beneficiados com a implantação do projeto. - Haverá uma redução de custos para o armazenamento de documentos e uma redução de custo com o cumprimento das obrigações acessórias -, revela Márcio Tonelli, coordenador do SPED Contábil e representante da Receita Federal. O Sistema Público é uma solução tecnológica patrocinada pelas administrações tributárias federal, estadual e municipal que, por sua vez, preconiza a oficialização das escriturações fiscal e contábil e que esta dar-se-á por meio da transposição do que é gerado, dia a dia, nos sistemas empresariais para um arquivo digital que tem formato técnico específico e apropriado, para que ocorra a transmissão eletrônica dos dados das empresas para os órgãos de registro e, posteriormente, para os fiscos das diversas esferas.

O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) tem marcado presença no desenvolvimento do SPED. Em julho de 2005, a Secretaria da Receita Federal (SRF) convidou o CFC para fazer parte do Grupo de Trabalho para Desenvolvimento do SPED. O CFC, desde então, tem participado com proposição de sugestões técnicas, especificamente no módulo de Escrituração Contábil Digital e, sobretudo, no que diz respeito às Normas Brasileiras de Contabilidade. Vale ressaltar que o CFC, com o objetivo de orientar os contabilistas, editou, em fevereiro de 2005, a Resolução CFC nº 1.020/05 que aprovou a NBCT 2.8 - Das Formalidades da Escrituração Contábil em Forma Eletrônica.

Para a conselheira do CFC, Verônica Cunha de Souto Maior, o SPED, de forma objetiva, - pode ser entendido - como um software que será disponibilizado pela SRF para todas as empresas (de forma análoga aos programas hoje existentes, tais como DIPJ, DACON, DCTF, DIRF, PER/DCOMP), para que essas (as empresas) mantenham (em um primeiro momento) e enviem (por meio desse software) a este órgão, com a periodicidade a ser ainda determinada, informações de natureza fiscal e contábil (a partir da escrituração digital mantida nas empresas), bem como informações previdenciárias, além dos Livros Fiscais, Comerciais e Contábeis gerados a partir da escrituração (já registrados nos órgãos do Comércio), além das Demonstrações Contábeis.

Conheça algumas premissas do SPED
- Empresários, sociedade empresária e contabilista usarão assinatura digital com certificação digital no padrão ICP-Brasil.
- A entrega do documento fiscal eletrônico será via internet (on-line em condições normais ou off-line em caso de contigência).
- Identificar dispositivos legais tanto na esfera comercial como na esfera fiscal para dar suporte jurídico às escriturações fiscal e contábil digitais bem como à Nota Fiscal Eletrônica - NF-e.
- Ênfase na premissa de que o contribuinte é o responsável legal pela guarda dos arquivos digitais que conterão as escriturações.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2006

Mensagem do Dia.


A vaidade obriga-nos a fazer mais coisas contra o nosso gosto do que a própria razão.
La Rochefoucaud

Curso de Extensão - Análise das Demonstrações Contábeis. UFPE

O Departamento de Ciências Contábeis da UFPE estará promovendo o Curso de Extensão - Análise das Demonstrações Contábeis, cujo objetivo é capacitar os profissionais de contabilidade a interpretarem as demonstrações contábeis de uma empresa, apresentando ao final o seu diagnóstico. A instrutora do módulo será Cacilda Andrade, Mestre em Contabilidade pela USP e Professora da Universidade Federal de Pernambuco.

Carga Horária: 30 horas-aula

Período do curso: Semanas alternadas
06/03 a 10/03/2006
20/03 a 24/03/2006


Coordenadora do Curso: Christianne Calado

Local: CCSA - UFPE

Custo: R$ 150,00 (matrícula) + (1 mensalidade de R$ 150,00)

Informações: 2126.8874 (tarde/noite)
e-mail: contabeisextensaoufpe@yahoo.com.br

OBS: Profissionais Contábeis registrados no CRC e que estiverem em dia com a anuidade - desconto de 5%

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2006

COMO TORNAR-SE COMPETITIVO NO MERCADO!

Público Alvo: Profissionais que buscam competitividade no mercado de trabalho

Objetivo: Preparar profissionais para a recolocação profissional e competitividade no mercado de trabalho

Temas que serão focados: empregabilidade, elaboração de um currículo competitivo, o que vestir em um processo de seleção, como portar-se, o que falar na entrevista e dicas sobre entrevista.

Metodologia: exposições participativas, técnicas vivenciais, discussão de casos, exercícios individuais e atividades em grupo.

Data de realização : 18 de março

Horário : 8:00 as 12:00 horas

Investimento: R$ 30,00

Contato :91688829 /99328901/96573577

Local: empresarial em boa viagem

Número máximo de participantes : 15

Facilitadoras : Angélica Bernardo CRP 02/5293

Roberta Falcão CRP 02/11.219

*Psicólogas e consultoras de Gestão em Pessoas

CURSO: GESTÃO ESTRATÉGICA DE RH

SÍNTESE: O mercado de trabalho está repleto de profissionais disponíveis, mas, por mais incrível que possa parecer, ficou ainda mais difícil preencher as posições em aberto, pois as competências são cada vez mais complexas. Diante deste cenário, tornou-se imprescindível repensar nossos Recursos Humanos e avaliar que profissional devemos procurar para esse futuro.

PROGRAMA:
MÓDULO I:

1- Análise do cargo e perfil do candidato;
2- Recrutamento:
a) Interno e externo;
b) Fontes de recrutamento;
3- Seleção:
a) Triagem;
b) Entrevista (roteiro)
c) Características do entrevistador;
d) Entrevista técnica
e) Prova de conhecimentos;
f) Testes psicométricos e de personalidade;
g) Prova situacional
h) Dinâmica de grupo

MÓDULO II:

1- Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas;
2- Diagnóstico das necessidades de treinamento;
3- Desenho do programa de treinamento;
4- Avaliação do programa de treinamento

MÓDULO III:

1- Descrição e análise de cargos;
2- Avaliação de desempenho;
3- Benefícios;
4- Higiene e Segurança no trabalho;
5- Relações trabalhistas.


COORDENAÇÃO: Angélica Bernardo Psicóloga – CRP 02/5293
Roberta Falcão Psicóloga – CRP 02/11.219
Participação Djalma Marques Administrador e consultor em Rh
PERÍODO: Encontros quinzenais aos sábados

HORÁRIO: 8:00 AS 12:00 HORAS

INVESTIMENTO: R$ 120,00 (cento e vinte reais) por módulo.

LIMITE MÁXIMO DE PARTICIPANTES : 15 PESSOAS

PERIODO DO CURSO: 11 DE MARÇO A 17 DE JUNHO DE 2006

LOCAL : Empresarial em Boa viagem (na inscrição divulgaremos o endereço)

IINFORMAÇÕES : ROBERTA FALCÃO 91688829 robertafalcao1@bol.com.br
ANGELICA BERNARDO 96573577 bernardo.angelica@gmail.com.br
LUCIANA FONSECA 99328901

terça-feira, 7 de fevereiro de 2006

Palestras Gerenciais do SEBRAE/PE

Programação das Palestras Gerenciais do mês de Fevereiro / 2006:

As palestras são realizadas :
- Na Sede do SEBRAE da Rua Tabaiares-Ilha do Retiro;
- Horários: 09:00 às 11:00 e de 15:00 às 17:00 horas;
- Pré-inscrição através dos telefones 81-2101.8408 ou 2101.8423 ou ainda no SEBRAE Tabaiares (vagas limitadas);

São gratuítas as inscrições nas palestras:
- Identificando oportunidades de negócios
- Planejando a abertura do seu negócio
- Linhas de Crédito Pessoa Fisica
- Linhas de Crédito Pessoa Juridica
- Empreendedorismo: O Caminho para o Próprio Negócio
- Comece Certo: Planejamento e Analise

Luiz Nogueira CR-Orientação Empresarial/CDI UN-Recife

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2006

Portaria define regras para pagar restituição de impostos a empresas.

Yara Aquino
Repórter da Agência Brasil

Brasília - As empresas que estiverem devendo à Previdência Social e à Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) podem ficar sem receber restituições de impostos e contribuições federais. É o que prevê portaria publicada pela Receita Federal na última sexta-feira (3) no Diário Oficial da União. Pela portaria, o valor da restituição ou ressarcimento das empresas devedoras poderá ser usado para quitar total ou parcialmente as dívidas.

Antes de pagar qualquer restituição, a Receita Federal vai verificar a situação da empresa. A empresa devedora será notificada antes de qualquer procedimento de compensação e terá prazo de 15 dias para se manifestar. Sendo contrária, o valor ficará retido até que a questão seja resolvida.A Receita Federal estima que cerca de mil empresas que pedem restituições de R$ 3 bilhões têm débitos com a Previdência. A portaria é assinada pelos ministros da Fazenda, Antonio Palocci, e da Previdência, Nelson Machado.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2006

Mensagem do Dia.


Na ausência nascem as saudades; mas as saudades morrem como as plantas às quais falta água na raiz.
Glaucias

Oportunidade de Emprego (CRC/PE)

Analista Contábil: experiência mínima de 02 anos, superior completo ou em curso, conhecimento de informática, ambos os sexos, disponibilidade de contratação imediata.

Auxiliar Contábil: experiência mínima de 01 ano, curso técnico de contabilidade ou superior, conhecimento em informática, ambos os sexos, disponibilidade de contratação imediata.

Estágio de Contabilidade: cursando Ciências Contábeis, conhecimento em informática e disponibilidade para uma jornada de 8 horas por dia.


Os interessados devem procurar Ana Paula no setor de Gestão com Pessoas através dos telefones (81) 21293550 ou encaminhar e-mail para ana.paula@btpe.com.br.